Imagens que se movem

Serviço Educativo -  Porto-Post-Doc 

2019 - set/nov

 OSMOPE e escolas EB1, Creche, Jardim de Infância e ATL da cidade do Porto

Na oficina, Imagens que se movem os participantes vão explorar e viajar por vários dispositivos associados ao universo afetivo familiar, assistir a pequenos filmes em Super 8, diapositivos, visonadores de fotografia estereoscopica, View Master, materiais e outros documentos ( fotografias, cartas, postais, objectos, etc ). 

Após assistirem à introdução, a uma pequena parte teórica-prática e da exploração de todos estes materiais, os participantes são convocados a partilhar fotografias de família, das suas famílias, imagens de agora, ou de outras épocas dos seus familiares, por exemplo: uma imagem da infância da mãe, adolescência do avô, a viagem da tia, etc. Esta é uma oficina que começa em casa, na procura da fotografia física e da sua memória, proporcionando já um voltar ao ritual familiar da visualização de fotografias, à materialidade da fotografia, que também é parte integrante do lado afectivo da imagem ligada à memória e ao passado. Os participantes são convocados a partilhar essas memórias, pequenas histórias, situações mais ou menos marcantes do quotidiano, imagens que normalmente são de casamentos, em casa, viagens, pic-nic, e são desafiados apresentar esta imagem e memória associada à imagem. Atráves da montagem, de plano contra plano, vamos introduzir fragmentos de sonoros, colagens de palavras, de outras imagens e vamos juntar todas estas fotografias e memórias.

O resultado final da oficina, tem como objectivo a criação de um livro de memórias, uma sequência de imagens fixas, mas que quando se movem, transformam-se num micro filme que possibilita as várias leituras que as imagens e memórias podem ter.

Na minha casa, existe um avô Armindo e um tio-avô Fernando que registaram as minhas memórias e as memórias da minha família. E na tua

Afinal o que é um arquivo?

E uma imagem?

Quantas imagens pode ter uma imagem?

E quantas histórias pode esta imagem ter?

Pois! É mesmo isso que vamos descobrir. Descobrir como uma imagem se pode transformar, revisitando, construindo novos arquivos, novas histórias. 

A nossa história.

Oficina IMAGENS QUE CONTAM HISTÓRIAS 

MDOC - Festival Internacional de Documentário de Melgaço

28 julho 3 agosto 2019 

12/17 anos

 III kino meeting

Oficina IMAGENS QUE CONTAM HISTÓRIAS por Juliana Sá e Tânia Dinis

20 e 21 de Outubro 2018

10h/13h

CAAA - Centro para os Assuntos da Arte e Arquitectura de Guimarães

Máximo 15 participantes

Idades entre 6/12 anos

 

Nesta oficina vais trabalhar com imagens associadas ao universo afectivo familiar. Vais explorar vários materiais e técnicas na construção da tua história e da tua imagem.

Eu sou um título. Clique duas vezes para editar

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now